Empréstimo na conta de luz: o que é e como funciona?

Fabiana Veloso Vizoni

| 4 minutos para ler

empréstimo na conta de luz

Continua depois da publicidade

Muito utilizadas por pessoas que não conseguem acesso facilitado ao crédito, existem algumas modalidades de empréstimo alternativas. Uma delas é o empréstimo na conta de luz.

Para quem está negativado, por exemplo, é uma opção de crédito rápida e mais fácil de se conseguir. Mas afinal, como esse tipo de empréstimo funciona? É uma boa opção? Existem outras alternativas? É o que a gente vai te explicar agora!

Leia também: Empréstimo para negativado: É possível fazer?

O que é empréstimo na conta de luz?

O empréstimo na conta de luz é um tipo de empréstimo chamado alternative lending ou, traduzindo para o português, empréstimo alternativo.

Os empréstimos alternativos são formas de crédito que não recorrem aos bancos tradicionais. São empréstimos normalmente oferecidos para pessoas que precisam de dinheiro mais rapidamente, não possuem garantias, ou não têm um bom histórico financeiro.

São empréstimos mais flexíveis e com taxas de aprovação mais altas, no entanto, costumam ter também juros mais altos.

O empréstimo na conta de luz é uma opção que existe no Brasil desde 2019. Nele, você pega um crédito emprestado e as parcelas são descontadas na sua fatura da luz, somadas à sua conta. Existem, inclusive, outras opções desse tipo de empréstimo como os de conta de telefone, gás e água.

Normalmente ele tem um valor limite para as parcelas, que deve ser duas vezes a média da sua conta de luz. Essa é uma maneira que as instituições têm de tentar evitar a inadimplência, já que, provavelmente, o cliente não vai deixar de pagar a conta de luz e correr o risco de corte de energia.

Como funciona empréstimo direto na conta de luz?

Primeiramente, é necessário que você tenha uma conta de luz em seu nome e ela esteja com as faturas em dia. Você também deve ter entre 21 e 79 anos. A maioria das instituições exigem também que você tenha uma conta bancária.

Existem ainda restrições de localidade para esse tipo de empréstimo. No momento somente os estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Ceará, Goiás e Rio Grande do Sul estão realizando.

Por conta dos riscos de inadimplência, também não é possível pegar dois empréstimos dessa modalidade ao mesmo tempo. Se você quiser pegar outro, vai precisar quitar o primeiro antes.

As instituições costumam emprestar de R$ 500 a R$ 2500 e o prazo de pagamento normalmente é de 3 a 18 meses.

Como fazer empréstimo com desconto na conta de luz?

Para fazer seu empréstimo na conta de luz você precisa dos seguintes documentos:

  • Carteira de trabalho;
  • Comprovante de renda (extrato bancário, imposto de renda e pro-labore);
  • Comprovante de residência de até dois meses;
  • CPF;
  • RG.

Esse é um tipo de empréstimo que você solicita de forma online, preenchendo um cadastro através do seu celular ou computador. Após o preenchimento, seu perfil vai ser analisado e, se aprovado, você recebe o dinheiro em até 24 horas na sua conta.

É importante saber que os juros variam de acordo com seu histórico financeiro. Então, mesmo que você esteja com o nome sujo ou um score baixo e consiga o empréstimo, saiba que os juros podem não ser os melhores!

Onde fazer?

Você primeiro precisa saber se esse tipo de empréstimo está disponível no seu estado. Se estiver, pode entrar em contato com as instituições financeiras para saber se elas são parceiras das concessionárias. Algumas concessionárias que têm parcerias são: Celesc, CPFL, Enel e Light.

As empresas Piki, Consiga Cred, Crefaz, Portocred, PlanCredi e MetaSimples são algumas das que realizam esse tipo de empréstimo.

Mas afinal, vale a pena fazer esse tipo de empréstimo?

Sim, esse é um tipo de empréstimo que, se feito em instituições confiáveis, pode ser uma alternativa para quem precisa de dinheiro imediato.

No entanto, antes de mais nada, é fundamental saber qual será a sua taxa de juros . Outro ponto a se observar é se o valor das parcelas são atrativos e se você tem condições de pagá-las.

Observamos que, você deve tomar esse tipo de atitude toda vez que quiser fazer um empréstimo. Você deve sempre saber as taxas, encargos, o valor das parcelas, o valor total a ser pago, entre outras informações importantes. Só assim terá clareza de qual será a sua situação financeira daqui pra frente.

É importante entender que, um empréstimo descontado na conta de luz pode também impactar o valor da fatura. Ou seja, se você acabar gastando mais luz, sua conta pode vir muito maior do que você costuma pagar. E que, se ela ficar em um valor inviável, você corre o risco de ficar sem energia na sua casa, caso deixe de pagar!

Outra questão são as taxas de juros do empréstimo na conta de luz. Por mais que elas sejam normalmente menores que as do cheque especial ou do cartão de crédito, ainda costumam ser maiores que outros empréstimos pessoais, como os de garantia, por exemplo.

E lembre-se, nunca aceite pagar qualquer tipo de valor antecipado. Instituições sérias não pedem dinheiro, principalmente de maneira online. Cuidado com os golpes! Busque a reputação da instituição bancária na internet para se certificar que é confiável.

Existem outras opções?

É válido saber que existem sim outras opções de crédito que são rápidas e atendem vários perfis financeiros. Muitas oferecem taxas menores, menos burocracia e até liberação de crédito mais rápida.

Se você está negativado, por exemplo, saiba que aqui no Bom Pra Crédito temos inúmeras opções de empréstimo para você. Faça uma simulação e veja quais cabem no seu bolso!

Leia mais: Crédito consignado para negativado

Para conhecer as mais diversas modalidades de empréstimo e ainda receber dicas de organização financeira, continue acompanhando o nosso blog!

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *