Economizar: por que é tão difícil tomar essa ação?

Larissa Carvalho

| 5 minutos para ler

Pote de vidro com moedas e cédulas de papel.

Continua depois da publicidade

Ficar sem grana no fim do mês pode ter a ver com o modo como você enxerga a sua relação com o dinheiro

Guardar dinheiro não é fácil. A realidade do bolso de muita gente é apertada e é preciso fazer malabarismos para fazer com que as despesas caibam dentro da remuneração do mês sem ficar no vermelho. 

Isso faz com que economizar pareça um verdadeiro desafio para grande parte das pessoas. E os números comprovam: um estudo de 2018 do Congresso Brasileiro de Pesquisa de Mercado mostrou que apenas 36% dos brasileiros afirmam poupar dinheiro.

Mas por que a gente tem tanta dificuldade em economizar? Ter muitos boletos para pagar pode ser um motivo, mas não é o único. 

Ampulheta, cédulas de papel e moedas sobre uma superfície branca.

Educação financeira é o segredo para o sucesso

É fato que, no Brasil, a educação financeira é, ainda, bastante deficiente. Um estudo do Ibope mostrou que apenas 21% das pessoas entrevistadas tiveram educação financeira na infância.

Muita gente tem vergonha de falar sobre sua situação financeira – o mesmo levantamento do Ibope mostrou que 37% dos participantes não falam sobre finanças com seus parceiros. Sem conversa e troca de experiências, fica ainda mais difícil aprender sobre um tema que já é tão cheio de tabus.

Leia também: Planejamento financeiro familiar… pode assustar, mas é fácil resolver

Embora seja melhor ter uma educação financeira desde criança, nunca é tarde para aprender. Por isso, o planejamento financeiro se torna uma ferramenta fundamental para ajudar a fazer seu dinheiro trabalhar a seu favor.

Você está se planejando financeiramente?

Um dos primeiros passos para quem quer economizar é saber se planejar. É claro que não dá para prever tudo que acontecerá na sua vida e quando um imprevisto vai acontecer. 

Mas um bom planejamento pode ajudar você a ter mais segurança e controle da sua vida financeira. Isso não quer dizer que todos os seus problemas estarão resolvidos, mas você terá mais autonomia para tomar suas decisões ao invés de depender dos outros.

Leia também: Mulheres investidoras: 09 brasileiras que alcançaram seus objetivos

Dicas para economizar de verdade de uma vez por todas!

Você já deve ter visto muitas dicas por aí sobre como economizar dinheiro que prometem resultados fora de série. Mas lembre-se: quando o assunto é poupar, não existe milagre. O que faz a diferença mesmo é ter planejamento e disciplina.

Saber economizar tem muito a ver com uma mudança de mentalidade, entendendo quais são seus objetivos em longo prazo e como você deve se organizar para alcançá-los. Ao definir essas prioridades para o seu futuro, fica mais fácil poupar para o presente.

Dinheiro é coisa séria e economizar também. Mas isso não quer dizer que você tenha que abrir mão de tudo que ama para começar a guardar dinheiro. Ao invés disso, é importante que você saiba como fazer isso de forma  inteligente.

Leia também: Como guardar dinheiro ganhando mil reais

Por isso, separamos algumas dicas simples, mas muito eficazes, para quem quer começar a economizar dinheiro – e ver os resultados dessa ação!

Mão segurando um vaso vermelho com o símbolo do cifrão.

  1. Conheça a sua realidade financeira

O primeiro passo é conhecer sua vida financeira. Saber quanto dinheiro entra e quanto dinheiro sai da sua conta todo mês, e para onde vai essa grana, é muito importante para que você encontre a fonte para começar a economizar.

  1. Anote tudo!

Pode parecer chato, mas quem está organizando a vida financeira precisa saber para onde está indo cada centavo. Seja uma compra cara que você parcelou no cartão de crédito ou um suco que tomou enquanto esperava o ônibus.

Há diversas maneiras de fazer esse controle, e com certeza tem uma com a qual você vai se adaptar melhor. Pode ser um aplicativo, uma planilha ou até mesmo anotar tudo em um caderninho. Encontre um sistema que funcione para você e coloque em prática!

  1. Saiba quais são suas despesas fixas e variáveis

As despesas fixas são aquelas que não mudam de acordo com o consumo. Por exemplo: aluguel, condomínio, parcela de um empréstimo, mensalidade da escola ou da faculdade, serviços de streaming ou TV a cabo, entre outros.

Já as despesas variáveis são aquelas que se alteram de acordo com o que consumimos, como água, luz, gasolina, alimentação, vestuário, cartão de crédito etc.

Se você conseguir visualizar quanto você gasta em despesas fixas e variáveis, já conseguirá fazer um planejamento mais preciso das suas finanças para economizar dinheiro.

  1. Corte despesas desnecessárias

Entenda que a definição de desnecessário pode variar de pessoa para pessoa. Não adianta cortar uma despesa que traz um ganho emocional importante, sendo que você poderia economizar de outro jeito.

Se aquele café que você toma depois do almoço é essencial para deixar seu dia melhor, veja se é dele mesmo que você quer abrir mão. Você pode fazer uma economia muito maior diminuindo a quantidade de pedidos de comida por delivery na semana, por exemplo.

  1. Faça trocas inteligentes

Você pode trocar as marcas tradicionais de produtos de limpeza pelas marcas dos próprios supermercados, por exemplo. Elas são muito mais acessíveis e não deixam nada a dever na qualidade.

Leia também: Dicas de decoração barata: Reforme sua casa sem gastar muito

  1. Se desafie!

Se o seu problema é comprar roupas, se desafie a ficar um mês sem comprar nenhuma peça. Coloque a criatividade em ação para bolar looks novos com o que já tem no guarda-roupa.

Agora, se você pede muita comida por delivery, tente ficar uma semana ou um mês sem pedir nada. Se programe para cozinhar, invente receitas novas e aproveite essa economia para aprender algo novo.

É uma maneira divertida e criativa de economizar dinheiro e provar para você mesmo que você é capaz de cumprir metas. Isso gera um senso de realização pessoal incrível!

  1. Evite parcelamentos

Comprar à vista é fundamental para quem quer economizar, pois você consegue ter visão de tudo que está gastando. Ao parcelar uma compra, você pode criar um novo problema financeiro.

  1. Aprenda a dizer não

Se você está com a grana curta, avise seu amigo que não poderá ir ao churrasco ou não terá como emprestar dinheiro. Todo mundo já passou por algum sufoco financeiro e vai entender. 

  1. Se tiver dívidas, tente negociar

Se estiver com uma dívida no cartão de crédito, que tal fazer um empréstimo pessoal para resolver este problema? Enquanto os juros do crédito rotativo podem chegar a 300% ao ano, os juros para empréstimos pessoais são bem menores e ajudam você a se planejar sem entrar no desespero.

  1. Comemore suas conquistas!

Cada pequeno passo na sua jornada de economizar dinheiro deve ser comemorado. Isso fará com que você crie cada vez mais confiança em você mesmo e na sua capacidade de aprender e aplicar novos conhecimentos.

Agora que você aprendeu mais sobre como economizar de maneira prática, é hora de colocar a mão na massa! Conte para a gente nos comentários como está sendo sua experiência.

Acompanhe o blog do Bom Pra Crédito para aprender mais sobre o universo da economia e conhecer as principais novidades para facilitar sua vida financeira!

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *