Empreendedorismo no Brasil: Quais as expectativas para um crescimento sólido dessas empresas

Larissa Carvalho

| 4 minutos para ler

jovem empreendedor sentado a uma mesa com um computador a sua frente e usando um celular

Continua depois da publicidade

Um panorama completo sobre os seus desafios de empreender e previsões para 2021

Setor em crescimento no Brasil, principalmente depois de 2020, o empreendedorismo é uma oportunidade para quem quer realizar o sonho de ter o próprio negócio. Além disso, ele é uma boa saída para quem está desempregado. 

A pandemia fez o Brasil bater o recorde de novos empreendedores em 2020. Entretanto, o índice de empresas que não conseguem sobreviver até os 2 anos também é alto. Você sabe por que isso acontece? 

Para entender mais sobre o assunto, preparamos um panorama completo sobre os últimos 2 anos do empreendedorismo no Brasil. Conheça quais são os ramos que estão em alta e se prepare para mudar de vida em 2021.

Afinal, o que é o empreendedorismo?

Antes de ficar por dentro do empreendedorismo no Brasil e de todos os seus desafios e características, é importante saber o que esse conceito significa. 

Para começar, empreender é ter a capacidade de identificar oportunidades e ter a iniciativa de investir em negócios ou projetos que gerem impactos positivos na sociedade. Além disso, essa atividade  também serve para mudar negócios ou projetos já existentes.

Em qualquer uma das opções, a principal característica do empreendedorismo deve ser a inovação. Você deve perceber as oportunidades e aproveitá-las para melhorar a vida dos seus clientes e, claro, a sua. 

dono de estabelecimento fala ao telefone enquanto segura uma prancheta

Aprenda mais: Ideias para empreender com pouco dinheiro: Agora vai dar tudo certo

Empreendedorismo no Brasil

Segundo o SEBRAE, o Brasil é destaque no quesito empreendedorismo, ficando a frente, inclusive, da China. O órgão afirma ainda que existem cerca de 52 milhões de empreendedores no país se dedicando ao próprio negócio

O panorama completo, segundo o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas, sobre o processo de abrir empresas e novos negócios no Brasil, principalmente quando se fala em empreender em pequenos negócios, você confere a seguir.

Situação atual do MEI

Atualmente, a formalização é uma das preocupações do microempreendedor.  O primeiro passo para isso é o estudo. É por isso que, em 2019, o número de MEIs com curso superior aumentou em 31%.

Se você deseja empreender e tem ideias de empreendedorismo que garantem sucesso, aconselhamos a checar os dados antes de dar esse grande passo. Isso vai te garantir confiança e segurança na hora de fazer a sua escolha. Confira a seguir.

Principais atividades

Dentre as 468 atividades permitidas para serem exercidas pelos MEIs, segundo o Portal do Empreendedor, as categorias com mais registro são: cabeleireiro e manicure, com 779.834 inscritos; comércio varejista de artigos de vestuário e acessórios com 735.051; e obras de alvenaria com 442.529.

Sexo

Do número total de MEIs cadastrados no país, 57% são homens exercendo as mais diversas atividades. Quando falamos das mulheres, o panorama é diferentee elas ocupam posições bem específicas, como  beleza (95,9%), serviços domésticos (95,6%) e vestuário (94,8%).

Idade

A média de idade é de 42 anos. Brasileiros até 29 anos representam 15%, enquanto 31% dos MEIs são pessoas entre 30 e 39 anos e 28% entre 40 e 49 anos. Brasileiros com mais de 50 anos tem uma parcela de 26% de cadastro.

Local de trabalho

O que barateia os custos de empreender no Brasil é que 40% de todos esses empreendedores, ainda têm na sua residência, seu principal local de trabalho. Pouco menos de 28% tem ponto comercial fixo para trabalho e 17% atendem a domicílio.

Desafios que todo MEI enfrenta

Os dados apresentados até aqui revelam uma forte tendência empreendedora dos brasileiros. Isso é resultado de uma política de formalização que fortalece a autonomia como um dos principais vetores de sucesso financeiro e profissional.

Esses fatores, aliados a instituições que facilitam o acesso a crédito para abrir um negócio, contribuem com o desejo do brasileiro por independência financeira. Entretanto, um dos grandes desafios é o controle das finanças.

Por isso fala-se muito sobre a importância da educação financeira, principalmente em épocas de crise como a que vivemos hoje por causa da pandemia de COVID-19. A educação financeira em tempos de recessão econômica te ajuda a não perder o controle.

O que é preciso para ser um bom empreendedor

Existem algumas características que você precisa ter para se dar bem no mundo do empreendedorismo. Aqui, te damos dicas do que buscar para melhorar e conquistar o mundo dos negócios.

Tenha iniciativa

Se antecipe! Identifique carências no mercado e busque por oportunidades. Dessa forma, você inova e se destaca.

Seja persistente, mas calcule os riscos

Momentos difíceis vão acontecer e é preciso enfrentar. É importante saber o momento de reavaliar decisões e mudar o rumo dos negócios. Calcule os riscos e faça escolhas baseadas em análises de mercado para não errar.

Se dedique

Se você não se entregar ao seu negócio, ninguém vai fazer isso. Então se comprometa e coloque ele como prioridade. Procure ser especialista naquilo que você se propôs a fazer e esteja sempre atualizado. O mercado muda sempre e você não quer ficar para trás, certo?

Planejamento é tudo

Estabeleça metas, propósitos e prazos para chegar aonde quer. Após isso, planeje cada passo para conseguir alcançar seus objetivos. Organização é tudo no mundo dos negócios. Com ela,  você vai  identificar problemas antes de acontecerem e poderá se antecipar a eles.

três jovens conversando sentados a uma mesa

Veja também: Plano de negócios para empreendedores, ele é indispensável à saúde da sua empresa

Previsões do empreendedorismo no Brasil para 2021

Incentivados pela crise, o ano de 2020 acabou com o maior número de empreendedores registrados da história do Brasil. Considerando que ainda estamos vivendo uma época pandêmica, mesmo com o avanço na vacinação, a previsão para 2021 não é muito diferente.

O ano ainda deverá ser de boom no empreendedorismo. Já que, cada vez mais, o brasileiro tem visto o negócio próprio como a melhor saída para o momento.

Entre os negócios em alta para 2021, tem destaque aqueles que usam a internet como principal plataforma de venda, uma vez que ainda estamos vivendo o distanciamento social.

E se você está entre os brasileiros que desejam empreender em 2021, nós temos as melhores opções de empréstimo, com parcelas e taxas que cabem no seu bolso. Acesse nosso site e confira as condições!

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *