Empréstimo débito em conta: saiba como funciona

Fabiana Veloso Vizoni

| 4 minutos para ler

Continua depois da publicidade

Você conhece todas as opções de empréstimos que existem no mercado? Pois saiba que esse é o primeiro passo se você deseja solicitar um crédito: conhecer qual aquele que se adequa às suas necessidades. Sendo assim, vamos te explicar hoje o que é o empréstimo com débito em conta!

Mais uma das modalidades existentes de empréstimo, o débito em conta se diferencia pelo fato de que as parcelas são debitadas diretamente na sua conta corrente ou poupança.

Mas afinal, como é que esse tipo de empréstimo funciona? Vale a pena contratar? Vamos te contar agora!

Leia também: Qual o melhor banco para fazer empréstimo? Veja todas as condições

O que é e como funciona empréstimo débito em conta?

Como mencionamos, o empréstimo com débito em conta é aquele em que o pagamento das parcelas é debitado na conta corrente ou na poupança de quem solicitou o crédito. É o mesmo caso de quando você coloca uma fatura de luz, por exemplo, em débito em conta e todo mês o banco desconta o valor de você no dia do vencimento.

O empréstimo com débito em conta tem a mesma validade do empréstimo comum, que você paga as parcelas através de boleto, com apenas esse diferencial de como as parcelas são descontadas.

Esse detalhe do débito em conta deve sempre constar no contrato. Isso porque o consumidor deve assinar a autorização desse débito, inserindo o número da sua conta. Além disso, também é necessário que ele permita a retirada do valor mesmo que não haja dinheiro em conta, acionando assim, o cheque especial.

São inúmeras as instituições que oferecem esse tipo de empréstimo e ele costuma ter uma boa aceitação.

Quem pode fazer esse tipo de empréstimo?

O empréstimo com débito em conta precisa, logicamente, que o consumidor tenha uma conta em banco.

Além disso, ele costuma ser liberado somente para quem tem vínculos empregatícios, como funcionários de carteira assinada, aposentados do INSS, trabalhadores do serviço público e militares. Autônomos também costumam conseguir esse tipo de crédito.

Como fazer empréstimo débito em conta?

O primeiro passo para fazer esse tipo de empréstimo é procurar uma instituição financeira que tenha esse produto disponível. Aqui no Bom Pra Crédito você encontra diversas opções de empréstimos que podem ser descontados na conta corrente. Faça uma simulação no nosso site!

Após o cadastro, o banco ou instituição financeira faz uma análise de crédito que avalia diversos pontos como: inadimplência, score e situação financeira em geral. Após a aprovação e assinatura do contrato, o dinheiro entra na conta.

Se você está negativado, não desanime! Muitas instituições dispensam a análise financeira ou são mais maleáveis nessa etapa.

As taxas de juros também podem variar de uma instituição para a outra, bem como, de uma pessoa para a outra, de acordo com sua situação. Isso porque, para os bancos, quanto mais positivo é seu histórico, menos chance de você ser inadimplente. Assim, as taxas de juros podem ser menores.

A própria modalidade de empréstimo com débito em conta já é uma opção que normalmente tem menos inadimplência, devido ao fato de que o recebimento das parcelas é facilitado pelo fato de ser autorizado o débito.

Lembre-se, nunca faça nenhum depósito antecipado! Instituições sérias não pedem nenhum valor para você realizar seu empréstimo. Se tiver dúvidas consulte o Banco Central.

Qual a diferença entre empréstimo débito em conta e empréstimo consignado?

A diferença entre esses dois tipos de empréstimo é de onde o dinheiro para o pagamento das parcelas sai. Enquanto o débito em conta sai da conta corrente de quem pegou o crédito, no empréstimo consignado o dinheiro sai do salário dessa pessoa.

Isso significa que, no empréstimo consignado, todo mês o recebimento do salário já vem menor por conta da parcela do empréstimo. Enquanto que na outra modalidade, o salário entra no valor normal e o banco retira a parcela na data combinada.

O valor disponível para o empréstimo consignado também é atrelado ao valor do salário da pessoa, o que não é o caso do empréstimo débito em conta.

Vale a pena fazer empréstimo débito em conta?

Assim como qualquer outra modalidade de empréstimo, o débito em conta deve levar em consideração quais são as suas reais necessidades. Quanto de dinheiro você precisa e para que deseja usá-lo? Quais serão as taxas de juros e os valores das parcelas? Se você tem condições ou não de arcar com essas parcelas.

Respondidas essas perguntas, o empréstimo débito em conta tem uma grande vantagem sobre os outros que é o fato de que você não vai esquecer de pagar as parcelas, já que elas serão automaticamente debitadas.

No entanto, se você é um pouco desorganizado com sua conta corrente, pode cair no cheque especial sem perceber! Por isso é muito importante manter seu extrato em dia para saber se sua conta está positiva.

Leia mais: Aprovação no empréstimo: dicas rápidas para ter mais chances

Como cancelar empréstimo com debito em conta?

Se você fez um empréstimo dessa modalidade mas não se adaptou a essa forma de pagamento, pode cancelar o débito em conta segundo a Resolução 4790 do Banco Central. Inclusive, a instituição deve aceitar seu cancelamento em até dois dias úteis contando da data do seu pedido.

Qualquer tipo de débito em conta só pode ser feito quando o correntista autoriza, sendo assim, se não é mais do seu interesse essa autorização, pode pedir para o banco cancelar. Dessa forma, as parcelas do seu empréstimo passarão a ser cobradas pelos métodos tradicionais como por boleto, por exemplo.

Para cancelar, você precisa fazer uma solicitação formal junto ao banco ou instituição financeira.

E aí? Achou o empréstimo com débito em conta interessante? Faça uma simulação no Bom Pra Crédito e confira as ofertas dos nossos parceiros!

E não saia aqui no blog! Aqui você encontra diversas dicas de empréstimos e educação financeira!

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *