7 motivos para pedir empréstimo pessoal. Conheça aqui!

Fabiana Veloso Vizoni

| 4 minutos para ler

motivos para pegar emprestimo

Continua depois da publicidade

Existem algumas situações onde realmente temos bons motivos para pegar empréstimo. Claro que, sempre pensando de maneira planejada, a procura por crédito pode ser realmente benéfica em diversas situações.

Inclusive, a procura pelos empréstimos pessoais tem crescido nos últimos anos. Mas é sempre importante lembrar que essa decisão deve ser muito bem pensada para que você não se perca no meio das dívidas.

Se você quer saber quais os 7 principais motivos para pegar empréstimo, acompanhe!

Leia também: Empréstimo pessoal x empréstimo consignado: entenda a diferença

7 motivos para pedir empréstimo pessoal

Vamos citar alguns dos mais importantes motivos para quem quer pedir empréstimo pessoal.

1. Trocar a dívida

Esse é um dos principais motivos para pedir empréstimo.

Isso porque muitas vezes estamos nos afundando em dívidas com taxas altíssimas de juros e sem perspectiva de conseguir pagar todas as parcelas. Quando parece que nada mais vai conseguir resolver, temos a opção de pegar um novo empréstimo com taxas mais adequadas ao nosso orçamento.

Dívidas como as do cheque especial e do cartão de crédito são praticamente como bolas de neve. Se você deixa um mês sem pagar, elas se acumulam até ficarem enormes e sem a mínima condição de quitar.

Assim, enquanto as taxas do cartão de crédito giram em torno de 12% ao mês, você pode solicitar um empréstimo pessoal, que pode ter taxas até 6 vezes menores, para quitar a dívida e ficar com uma parcela mais enxuta.

Você também pode optar pela portabilidade de crédito que é quando você troca de empréstimo para outra instituição que oferece melhores condições. Esse é um direito que você tem garantido por lei.

2. Abrir o próprio negócio

Mais um dos grandes motivos para pedir empréstimo pessoal, a hora de abrir um novo negócio certamente é quando você vai precisar de uma quantidade de dinheiro que nem todos têm guardado.

Mas, assim como a própria abertura do empreendimento, pedir um empréstimo pessoal nessa hora deve ser uma atitude muito bem pensada e planejada para que você não comece seu negócio já quebrado.

Isso também vale se você já tem uma empresa e precisa investir nela. Planejamento e organização são fundamentais!

3. Imprevistos

Como o próprio nome já diz, imprevistos são impossíveis de prever. Então se você não possui uma reserva de emergência, não tem o que fazer a não ser pegar um empréstimo pessoal.

Sendo que, imprevistos podemos considerar como: acidentes, um cano que estourou na sua casa ou algum problema de saúde que não existia antes. Nessas ocasiões não tem muito o que fazer mesmo e o empréstimo pessoal pode ser uma ótima saída.

No entanto, é muito importante saber diferenciar os imprevistos das contas que surgem “do nada” mas que você sabia muito bem que elas chegariam, como o IPVA, IPTU, material escolar, entre outros. Saiba diferenciar quais são os reais motivos para pegar um crédito e aquelas contas que você precisa se programar todos os anos para pagar.

Afinal, se você for pegar empréstimo para todos os gastos pontuais, vai chegar uma hora que não terá mais condições de pagá-los. Por isso, atenção e disciplina são fundamentais!

4. Descontos

Se você precisa comprar um bem e o parcelamento tem juros maiores que os do empréstimo pessoal, vale a pena solicitar o crédito para efetuar a compra à vista e com desconto.

Normalmente essas compras são de bens com maior valor agregado como um carro novo ou um imóvel. Isso porque existem no mercado diversas modalidades de empréstimo com juros atrativos e que valem mais a pena do que pagar por um financiamento.

Mas pesquise bem sempre! Analise bem se as taxas e os demais encargos realmente compensam na hora de efetuar a compra à vista.

5. Estudos

Surgiu uma ótima oportunidade de estudar naquela universidade tão sonhada, ou até fora do país, mas você não possui dinheiro guardado? Nesse caso o empréstimo pode virar um investimento!

Afinal, educação é sempre positiva e as chances de você ter maiores condições de pagar suas contas tendo uma boa formação, crescem e muito.

Muitas instituições possuem linhas de crédito específicas para quem precisa financiar os estudos ou então você pode optar pelo empréstimo pessoal que tenha uma boa taxa. Pesquise e decida qual a melhor escolha.

6. Reformas

Na hora de construir e reformar, pode valer a pena comprar todo o material de construção em apenas uma vez e parcelar o valor através de um empréstimo pessoal. Isso porque, você pode conseguir um bom desconto se pagar uma quantidade grande de produtos à vista.

Assim como o crédito estudantil, também existem modalidades de empréstimo exclusivas para quem quer construir ou reformar. Inclusive, muitas lojas oferecem esse tipo de parcelamento.

Dessa forma, seja uma reforma planejada ou algo que precisa fazer de urgência, o empréstimo pessoal pode ser uma boa saída para arcar com um volume maior de pagamentos.

7. Realizar sonhos

Você sempre quis visitar outro país, ou o carro dos seus sonhos está com desconto na loja, mas você não possui dinheiro em caixa? Que tal optar por um empréstimo pessoal?

Pode parecer bobagem aos olhos de algumas pessoas, mas sonhos realizados também fazem parte da nossa vida e são grandes motivadores para o dia a dia.

Sendo assim, se for feito de forma muito planejada para não comprometer o seu orçamento, pegar um empréstimo para realizar sonhos pode ser uma boa pedida.

Leia também: Empréstimo em banco: saiba como escolher e contratar

Se você decidiu que está na hora e escolheu um dos motivos para pegar empréstimo, chame o Bom Pra Crédito!

Aqui você encontra as melhores opções de crédito pessoal num único lugar, com parcelas e taxas que cabem no seu bolso. Escolha o Bom Pra Crédito para realizar seus sonhos, é rápido e seguro!

E conheça mais dicas como essa acessando sempre o nosso blog!

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *